O Lápis e a Borracha, divertido curta-metragem
CríticasCurta MetragemDestaque

O Lápis e a Borracha, divertido curta-metragem

o lapis e a borracha

O Lápis e a Borracha é um curta metragem divertido que está no streaming da Filmicca. Lançado em 1960, tem cerca de 9 minutos e nos apresenta esses objetos como protagonistas antropomorfizados, numa animação que não fica devendo em nada para muitas lançadas atualmente. Além disso, os adultos podem apresentá-la para os pequenos sem medo.

A trilha sonora, apesar de repetitiva, se molda bem com àquilo que é proposto. A transição de ‘cenários’ vai tornando aquele ambiente cada vez mais rico e o espectador compreende onde o diretor húngaro György Várnai, falecido em 1991, deseja chegar. Dialoga-se sobre as diferenças e a aceitação perante os demais membros da sociedade.

Quais os riscos disso a curto, médio e longo prazo? Você poderá se ferir e fazer o mesmo com aqueles que ama. Enfim, apesar de parecer clichê, devemos lembrar que é um projeto voltado para o público infantil. Contudo, é louvável notar que haviam mentes criativas que já tinham o trabalho de conscientização, mesmo em períodos tão longínquos.

o lápis e a borracha

Com o passar do tempo, o lápis e a borracha ficam gastos e ‘envelhecidos’. Ou seja, dar valor na vida é um dos plotes principais por aqui. Generoso, conciso e muito simpático!

Sinopse de O Lápis e a Borracha

Por ser um filme de animação que reflete sobre o processo de fazer um desenho animado, os personagens-título são as duas ferramentas básicas dos animadores: o lápis e a borracha. Como Dom Quixote e Sancho Pança, os dois conquistam as folhas em branco.

Nota Cinema e Pipoca: ★★★

Título Original: A ceruza és a radír
Ano Lançamento:1960 (Hungria)
Dir: György Várnai

Deixe um comentário

Você não pode copiar o conteúdo desta página