Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta
Críticas

Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta

 Brasil 2002 - Os Bastidores do Penta

Lembro de ser acordado pelo meu pai para assistirmos aos jogos que eram de madrugada. E tive uma sensação de nostalgia quando coloquei os olhos em Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta. Como pôde perceber, sou um apaixonado pelo esporte e tenho a convicção de que esta foi a maior Seleção que vi jogar. Sou de 1987, então fiquem tranquilos a todos que viram os times de 1970, 1982 e etc.

Contudo, é impactante poder olhar para imagens que nem os próprios jogadores haviam conferido. Ou seja, Roberto Carlos, Ronaldo e companhia, dividem uma sensação semelhante a nossa – tirando as devidas proporções, é claro. E o diretor Luís Ara (Para Sempre Chape), monta essas filmagens de forma impecável, bem como, traz diversos jogadores para as entrevistas, como Beckham e Owen (ambos da Inglaterra), Wilmots (da Bélgica) e Oliver Kahn (da Alemanha).

Mas antes disso, o roteiro mescla:

  • o vexame de 1998;
  • o ataque epiléptico e a lesão do Fenômeno jogando pela Inter de Milão;
  • a mídia, com toda sua ‘sutileza’ ao falar dos convocados;
  • o corte de Romário;
  • a troca dos técnicos e muito mais.

O jogo contra a Venezuela, nas Eliminatórias, era nosso passe para a disputa do Mundial… e deu tudo certo!

Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta

Ao passar a primeira fase com 3 vitórias em 3 jogos, a Seleção ainda era contestada. Diziam: “é um grupo muito fácil”. Mas o que ninguém imaginava era que a ‘Família Scolari’, como ficou conhecido o grupo, se uniu fortemente, numa mescla dos mais talentosos jogadores do mundo, com juventude e experiência.

Contra a Bélgica, 2 a 0, em seguida, 2 a 1 na fortíssima Inglaterra e pronto! Ali estávamos como a favorita para a final, que seria disputada em Yokohama. Do outro lado, haveria a Alemanha, que conquistara seu último mundial em 1990. E o resto, é história! 2 a 0, com dois gols de Ronaldo e falha de Oliver Kahn.

Os entrevistados para o documentário Brasil 2002 - Os Bastidores do Penta

Belletti, bem como Cafú, Ronaldinho Gaúcho e todos os outros citados acima deram suas versões de cada jogo e jogadas e foi sensacional. O problema é que são tantas informações, que seria interessante dividi-las em uma minissérie, já que esses 90 minutos passaram rápidos demais.

Enfim, Brasil 2002 – Os Bastidores do Pentaé incrível para todos os amantes do futebol e para relembrarmos a sensação de vestir a amarelinha, sem nos envergonharmos de certo ‘nacionalismo’ que destrói nossos dias.

Onde assistir Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta?

Quer saber onde assistir Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta? O projeto, que tem 90 minutos de duração, está na Netflix.

Nota Cinema e Pipoca: ★★★½

Título Original:Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta
Ano Lançamento: 2022 (Brasil)
Dir: Luís Ara

ORÇAMENTO: —

Trailer de Brasil 2002 – Os Bastidores do Penta

Deixe um comentário

Você não pode copiar o conteúdo desta página