Filmes que falam sobre sexo sem tabu!
Top CP

Filmes que falam sobre sexo sem tabu!

Filmes que falam sobre sexo sem tabu

Encontrar filmes que falam sobre sexo sem tabu não é tão fácil quanto imaginei que fosse. Primeiramente, porque a sociedade (de um modo geral) tem uma mente fechada sobre o tema, bem como, diversas obras não chegam nos streamings.

Mas, vamos conferir aqui certos exemplares e ainda verificar uma pesquisa que relaciona brinquedos sexuais com felicidade. Ficou curioso? Então, vem com a gente!

Filmes que falam sobre sexo sem tabu!

  • O Segredo de Brokeback Mountain (2005)

O Segredo de Brokeback Mountain

Dirigido magistralmente por Ang Lee,O Segredo de Brokeback Mountaindesmistifica o gênero do faroeste. Tratados como protagonistas durões nas décadas passadas, aqui trata do nascimento do amor entre dois cowboys. Heath Ledger e Jake Gyllenhaal têm química e ainda hoje não dá para entender os motivos da Academia em ter dado o Oscar de Melhor Filme para o insossoCrash – No Limite.Obra prima que deve ser vista e revista!

  • Jovem Aloucada (2012)

Jovem Aloucada

Pequena grande obra que está na Netflix. É o primeiro trabalho da diretora Mari aly Rivas e é cheio de temas espinhosos, mas que são tratados com carinho e atenção. Portanto, o longa chileno retrata a história real de Daniela, que vive numa família religiosa, mas cria um blog e relata suas descobertas em relação ao sexo e ao seu próprio corpo. Masturbação, relação com outras mulheres e outros tabus vêm a tona.

  • A Região Selvagem (2016)

Filmes que falam sobre sexo sem tabu!

Como grande porcentagem da população tem uma cabeça retrógrada para dialogar sobre sexo, é complexo ter um projeto sobre o tema chegando nas telonas. E apesar deste também não ter sido propagado, não deixa de ser uma obra complexa e interessante.

Quando um meteorito cai numa pequena cidade do México, uma das moradores descobre todo o prazer ao usar os tentáculos de um extraterrestre. Ou seja, o roteiro se despe daquele papo que ‘mulheres não podem falar sobre isso’, deixando-as livres para encontrar outros (que não os homens da Terra) para satisfazê-las.

  • Tatuagem (2013)

Tatuagem

Hilton Lacerda é o diretor deTatuagem, um provocante longa nacional ambientado no trágico período da ditadura militar. Clécio participa de um grupo teatral e se apaixona por um soldado, mas como isso será tratado quando for descoberto? Irandhir Santos e Jesuíta Barbosa trazem um grito pela liberdade, amor, sexualidade e tudo mais.

  • Do Jeito que elas Querem (2018)

Do Jeito que elas Querem

O filme conta ‘apenas’ com Diane Keaton, Jane Fonda, Candice Bergen e Mary Steenburgen.Do Jeito que ela Queremé uma comédia que trata do sexo e de seus tabus na terceira idade. Na sinopse, quatro amigas que têm por volta de 60 anos, decidem ler o romance Cinquenta Tons de Cinza e isso mudará suas vidas por completo.

É para rir, pensar e notar que, independentemente da idade, é fundamental se conhecer e ir além do que os conservadores impõem.

  • Boa Sorte, Leo Grande! (2022)

Filmes que falam sobre sexo sem tabu!

O sexo na terceira idade, bem como as transformações e descobertas de uma mulher que passou a vida toda ‘transando da mesma forma’ são alguns dos tópicos deBoa Sorte, Leo Grande.A veterana Emma Thompson está impecável (como sempre) e Daryl McCormack não se intimida.

Um projeto menor, onde há quebra de tabus mostrando que a vida, de um modo geral, pode ser vivida plenamente, mesmo com seus altos e baixos. Se o mundo fosse justo, teríamos uma forte concorrente ao Oscar 2023.

Dos filmes para a vida real!

De acordo com o estudo, pessoas que investiram em brinquedos eróticos viram sua conexão com seus parceiros aumentar. Então, enquanto 53% sentiram melhorar suas relações sexuais, outros 37% aumentaram a frequência das relações. Além disso, 52% perceberam um aumento na frequência de orgasmos e, enfim, 64% dos entrevistados celebrou um aumento na frequência de vezes em que ‘chegaram lá’.

Entendemos que lubrificantes, vibradores, sugadores clitorianos e outros acessórios são importantes no processo de autodescoberta e na busca pelo prazer”, explica Izabela Starling, cofundadora da pantynova.

brinquedos

Para o sexólogo e fisioterapeuta Félix Neto, o ‘aumento da felicidade’ ao adquirir um brinquedo sexual, está associado ao fato de que, para pessoas solteiras, é um sinal de liberdade, de que elas, de fato, se tornaram ‘donas’ de seu prazer e de seu próprio corpo.

Investir em brinquedos sexuais pode te levar a um nível superior das experiências de prazer que cada um já experimentou até então. É encontrar um novo estímulo, uma nova sensação e que pode ser vivenciada sozinhe ou acompanhade”, comenta.

Nosso objetivo como marca é incentivar que as pessoas busquem suas fontes de prazer e autodescoberta. Um brinquedo sexual é um complemento para uma vida mais plena, vai muito além de apenas satisfação sexual, mas se torna parte da vida das pessoas”, comenta Heloisa Etelvina, cofundadora da pantynova.

Momento de reflexão e empoderamento

A pesquisa marca um novo momento da sociedade brasileira que está mais livre de tabus e preconceitos. Além disso, demonstra que as pessoas estão cada vez menos preconceituosas em relação às diversas formas de prazer que podem experimentar.

Derek Derzevic, pesquisador e cofundador da pantynova, explica que o Censo do Sexo é um avanço para a sociedade em relação aos tabus que muitos ainda se encaixam. “Tivemos a dor e a delícia de sermos pioneiros em bem-estar sexual no país, abrindo, assim, uma nova categoria no mercado, educando e inspirando uma série de novos empreendedores que têm o mesmo sonho que o nosso: naturalizar o sexo”, diz o executivo.

Acreditamos que o bem-estar sexual passa pelo autoconhecimento e que é fundamental para a autoestima, nesse sentido, os dados apresentados podem ajudar no entendimento da sexualidade individual (quando cada pessoa se vê como parte de uma sociedade) e coletiva”, complementa.

Deixe um comentário

Você não pode copiar o conteúdo desta página