Com as Próprias Mãos, o nascimento de um novo ícone brucutu!
Críticas

Com as Próprias Mãos, o nascimento de um novo ícone brucutu!

Com as Próprias Mãos

Nos anos 80, brucutus como Sylvester Stallone e seu Rambo, Arnold Schwarzenegger em Comando para Matar, Chuck Norris em Braddock, Dolph Ludgren em Red Scorpione muitos outros reinavam absolutos. Tendo como pano de fundo de seus filmes, as “guerras particulares mal resolvidas”.

Como já era esperado, a nova geração necessitava de heróis que resolvessem tudo no sopapo e sem muita conversa. Portanto, Jason Statham (Carga Explosiva), Vin Diesel (Triplo X) e Dwayne “The Rock” Johnson, protagonista deste Com as Próprias Mãos, surgiram nas telonas.

E o ex-lutador de WWE segura praticamente sozinho o filme. Seu ajudante, o ex-Jackass Johnny Knoxville, está tão deslocado quanto Sean Willian Scott em Bem Vindo à Selva.

Primeiramente, as cenas de ação convencem (o quebra pau na casa de jogos é ótimo), bem como o ator tem empatia instantânea com o público. É testosterona para todo lado num bom exemplo de entretenimento pipoca e refrigerante.

Sinopse de Com as Próprias Mãos:

O fortão Chris Vaughn volta à cidade natal após servir o exército por longos anos. Porém, encontra apenas vestígios daquela pacata vila. Um cassino foi aberto e nele dinheiro é lavado, drogas contrabandeadas e garotas usadas como diversão. Então, Vaugh torna-se xerife para liquidar tais bandidos.

NOTA: 7,0
ORÇAMENTO: 56 Milhões de Dólares

Deixe um comentário

Você não pode copiar o conteúdo desta página