A Pequena Sereia (2023) é bom?
Críticas

A Pequena Sereia (2023) é bom?

A Pequena Sereia nos cinemas de Campinas

Não há como negar que as animações da Disney são clássicas, merecem respeito e uma revisitada de tempos em tempos. Contudo, versões em live action de A Bela e a Fera, Aladdin e O Rei Leão, por exemplo, sempre derraparam em diversos fatores e serviram apenas para encher os cofres da produtora. Mas com esse novo lançamento, fica a pergunta: A Pequena Sereia (2023) é bom?

O filme de A Pequena Sereia (2023) é bom?

Assim como todos os outros projetos citados acima, este longa não diz a que veio. Porém, a princípio, precisamos dizer que Halle Bailey como Ariel é belíssima. Ela tem docilidade, um olhar curioso e muita expressividade, mostrando que pode se tornar um grande nome de Hollywood dentro de pouco tempo. Ao contrário de Jonah Hauer-King (A Caminho de Casa) que vive o príncipe Eric. Tudo porque, ele tem o carisma de um cone de trânsito e, como disse minha esposa: “parece que Bailey é a Beyoncé e Jonah é o NX Zero”, tamanha diferença na potência vocal.

O roteiro de David Magee é apressado ao fazer com que os dois se apaixonem e a direção de Rob Marshall, por vezes, é cafona (aquele take final, com várias sereias e sereios, é vergonhoso). E não para por aí… pois para que utilizar uma fotografia tão escura nos momentos onde Úrsula está em cena? Melissa McCarthy (O Espião que Sabia de Menos) é prejudicada por isso, mas faz o possível com o que tem em mãos.

a pequena sereia (2023) é bom

Outros detalhes sobre o filme

Ainda falando sobre Úrsula, não dá para comprar essa raiva dela, pois a ‘treta’ dela com Tritão (Javier Bardem num modelito vergonhoso e com freio de mão puxado) também é mal explorada. E a cereja do bolo – como se já não bastasse – é a tentativa dar uma ‘cara’ mais real a Sebastião, Linguado e Sabidão. Um peixe e um caranguejo não tem expressividade minha gente, e passam anos luz da vivacidade da animação. Salva-se a gaivota e suas piadinhas engraçadas.

Enfim, são duas horas e quinze minutos totalmente desnecessários. Portanto, respondendo à questão inicial, “se A Pequena Sereia (2023) é bom?”, posso expor que balança pende muito mais para o lado negativo e não serve nem como nostalgia barata. Ao mesmo tempo, a Disney continuará faturando alto e fazendo obras que juntem humanos com muita, mas muita computação gráfica.

Obs.: E quanto aos ataques racistas contra Bailey… é desprezível acreditar que isso ainda ocorra. Até porque, independente do que achei do filme, foi lindo ver crianças (negras ou brancas) vestidas de Ariel, dançando e correndo ao fim da sessão. Isso é representatividade… isso é cinema… isso é arte!

Onde assistir A Pequena Sereia (2023)?

O filme está disponível nos cinemas de todo país!

Sinopse do filme

Uma jovem sereia faz um acordo com uma bruxa do mar para trocar sua bela voz por pernas humanas. Tudo para que possa descobrir o mundo acima da água e impressionar um príncipe pelo qual é apaixonada.

Nota Cinema e Pipoca: ★★

Título Original: The Little Mermaid
Ano Lançamento: 2023 (Estados Unidos)
Dir: Rob Marshall
Elenco: Halle Bailey, Jonah Hauer-King, Daveed Diggs, Jacob Tremblay, Awkwafina, Javier Bardem, Melissa McCarthy

Deixe um comentário

Você não pode copiar o conteúdo desta página