Pular para o conteúdo
home » Críticas » Crítica: A Lenda do Tesouro Perdido | Revisitando a obra, 19 anos depois

Crítica: A Lenda do Tesouro Perdido | Revisitando a obra, 19 anos depois

A Lenda do Tesouro Perdido

Vez ou outra é interessante revisitar o passado, não é mesmo? Por isso, resolvi assistir novamente A Lenda do Tesouro Perdido, projeto de 2004, estrelado por Nicolas Cage, Diane Kruger, Sean Bean, Justin Bartha (pré Se Beber, Não Case), Harney Keitel e Jon Voight… ah, ainda temos uma participação especial de Christopher Plummer, ou seja, um baita elenco.

E somente Jerry Bruckheimer, produtor que vivia seu auge em Hollywood (no ano anterior havia feito Bad Boys II e Piratas do Caribe), para reunir essa trupe. Aqui, temos outra tentativa para gerar um novo Indiana Jones, com um ‘mocinho’ que precisa correr para lá e para cá e salvar o dia dos vilões, que querem as riquezas escondidas em algum lugar deste mundo e que só serão desvendadas após desvendarem enigmas e puzzles.

Cage, que já havia tentado se tornar um astro da ação com Con Air, A Outra Face e A Rocha, tem os maneirismos e exageros de sempre (engraçado notar que esse seu charme, um tanto esquisito, ajuda a aproximar o espectador do personagem). Falando nos astros e estrelas, são eles que seguram as pontas nesses 120 minutos de projeção, pois a direção de Jon Turteltaub (Megatubarão) e o roteiro que, em vários momentos, parece um panfleto patriótico norte-americano, deixaria um gosto agridoce na boca.

a lenda do tesouro perdido

Trilha sonora, fotografia e montagem de A Lenda do Tesouro Perdido

Dentre esses três elementos citados acima, nenhum deles consegue ir além do convencional. Contudo, é legal notar que mesmo após quase 20 anos de sua estreia, os efeitos especiais seguem interessantes.

Ao contrário do que Turteltaub fez no blockbuster estrelado por Jason Statham, em A Lenda do Tesouro Perdido manteve um equilíbrio entre efeitos práticos e computação gráfica, que surge em momentos sutis. Mesmo que as cenas de ação pareçam um tanto engessadas e haja um sem número de ‘coincidências’, é um pipocão e tanto para se deliciar com toda família.

Onde assistir A Lenda do Tesouro Perdido?

  • O filme está disponível na Disney Plus.

Sinopse de A Lenda do Tesouro Perdido

O historiador e decodificador Ben Gates tem procurado, durante toda a sua vida, um conhecido tesouro que existe desde a criação dos Estados Unidos. Ao participar de uma expedição liderada pelo caçador de tesouros Ian Howe, Gates encontra um navio colonial preso no gelo do Círculo Ártico que tem uma pista ligando o tesouro com a Declaração da Independência. Mas quando Howe o trai, Gates tem que correr para conseguir o documento antes do seu falso colega.

Nota Cinema e Pipoca: ★★★½

Título Original: National Treasure
Ano Lançamento: 2004 (Estados Unidos)
Dir: Jon Turteltaub
Elenco:
Nicolas Cage, Diane Kruger, Sean Bean, Justin Bartha, Harney Keitel, Jon Voight, Christopher Plummer

Confira mais notícias AQUI!

Você não pode copiar o conteúdo desta página